Styling a Sleeping Space: Going Minimal

Sunday, January 01, 2017



 Ler em Português      Read in English

O ano de 2016 terminou com um post na minha categoria favorita, e o primeiro deste ano chega da mesma forma, e vem mais uma vez reforçar porque este blog se chama Monochromatic Wave.

No início de Dezembro tive necessidade de trocar a minha cama, que era num estilo shabby chic, em ferro preto. Quando avaliei as opções disponíveis no mercado (leia-se - apenas no IKEA, ou não fosse eu uma IKEA lover), percebi que a minha preferência recaía sobre os modelos mais minimalistas, mais low-profile, e acabei por escolher este modelo muito acessível, em madeira natural, a pensar em eventualmente pintá-la de branco e talvez até modificar a cabeceira. No entanto, assim que a montei, descartei logo essa ideia. Qual modificar cabeceira, qual pintá-la. Adoro-a assim mesmo!



Além da cama, aproveitei também para trocar o candeeiro da cabeceira. Como gosto de ler à noite, deitada, prefiro projectores de parede a candeeiros de mesa. É só direccioná-lo para o livro e tenho a iluminação perfeita!


A estética minimalista no design de interiores escandinavo tem vindo a tornar-se cada vez mais popular, não só nas áreas sociais da casa, como nos quartos, e o IKEA tem certamente um grande contributo neste movimento.  Eu já há alguns anos que me deixei contagiar pela tendência de mobíliário de linhas direitas e paletas monocromáticas, mas mais recentemente comecei a gostar de incorporar também o tom da madeira natural.



Cada vez gosto mais de espaços despojados e identifico-me muito com o lema Less is more. Tenho vindo a reduzir o número de objectos que decoram as superfícies, assim como as paredes, e até o número de almofadas na cama. Um design minimalista, sem confusão visual, torna o espaço mais relaxante e convidativo ao descanso.



Outro aspecto característico do minimalismo é priorizar a funcionalidade e organização. Quando escolhi esta cama, já sabia que por baixo dela caberia uma das caixas de arrumação que tenho do IKEA, em que guardo roupa fora de estação. Isso permitiu-me aproveitar melhor o espaço e levar essa caixa para fora do campo de visão, já que antes estava por cima do roupeiro, por não caber debaixo da cama que tinha.



Se também sentem necessidade de tornar o vosso quarto mais tranquilo, sem confusão visual, mesmo sem trocar mobília, comecem por olhar em volta e retirem os objectos que não são absolutamente necessários. Sejam selectivos com os objectos decorativos. Eles podem ter lugar num espaço minimalista. Dão personalidade e tornam-no mais acolhedor, mas devem ser conjugados em harmonia, numa mesma paleta de cores e em número reduzido.

Incorporar elementos da natureza também é uma óptima forma de evocar tranquilidade, por isso gosto de quebrar os neutros com o verde das plantas. Façam várias combinações de objectos para perceberem como vos parece melhor.






Pessoalmente, fotografar o espaço também me ajuda a ter perspectivas diferentes, e foi por isso que surgiu este post e que partilho convosco as várias combinações de objectos que ponderei. Nenhuma delas é definitiva, porque gosto de ir mudando as coisas de lugar, mas a da última foto é a minha favorita.

Ter menos almofadas na cama deixa-a mais simples, torna-se prático e deixa a cabeceira mais visível, o que me agrada esteticamente, com esta cama em particular. Ter um despertador analógico na mesa de cabeceira liberta-me de usar o telemóvel como despertador, que muitas vezes é um elemento de distracção que em nada contribui para uma boa noite de sono. A jarra conversa com a almofada redonda, já que ambas têm um tom cinza. O ramo de vivazes brancas é um elemento delicado que traz serenidade ao ambiente.



Estou longe de ser absolutamente minimalista, porque também gosto de algum detalhe no design. Acho que o meu estilo acaba por ser predominantemente nessa corrente, mas procuro um equilíbrio adequando-a ao meu gosto individual, com uns salpicos de peças vintage, características de um estilo shabby chic. Além das formas mais curvas, em peças de mobiliário novas, a tinta é habitualmente descascada para lhes dar um aspecto mais antigo, como é o caso (subtilmente, nas extremidades) desta mesa de cabeceira e do espelho do meu toucador (que talvez vos mostre noutra altura ;) ).

Qual foi a vossa combinação favorita? E como é o espaço em que vocês dormem? 

Related Posts

18 Comments

  1. o meu quarto também é assim, não fosse eu também uma ikea lover! sou é mais adepta de almofadas :P

    ReplyDelete
    Replies
    1. Percebo perfeitamente. Noutros tempos cheguei a ter 7 ou 8 almofadas na cama, haha!

      Delete
  2. Estou apaixonada por essa mesa de cabeceira :)
    xoxo
    www.prettyinpinkmc.blogspot.pt

    ReplyDelete
    Replies
    1. Também me apaixonei por ela assim que a vi na loja! :)

      Delete
  3. O teu quarto ficou lindo! Adoro também tudo assim minimalista. E esse candeeiro vai para a minha wishlist gigante de coisas do ikea precisamente pelas mesmas razões. :)

    Salomé
    The Sad Girls Club ♥

    ReplyDelete
    Replies
    1. É um óptimo artigo para a wishlist! Estou muito contente com ele! ;)
      Beijinhos e obrigada, Salomé!

      Delete
  4. Fiquei tão absolutamente apaixonada pelo espaço que me apetece ir redecorar o meu quarto todo!

    THE PAPER AND INK

    ReplyDelete
    Replies
    1. Redecorar é sempre divertido! ;)
      Bejinho e obrigada, Joana!

      Delete
  5. Ai que fotos lindas.....adorei o teu espaço *.*
    Já sigo o blog...segue o meu também =) beijinhos*

    http://anaandstyle.blogspot.pt/

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigada, Ana! Vou espreitar o blog!
      Beijinho :)

      Delete
  6. Sofia, que detalhes tão bonitos! *.* quando imagino o meu futuro quarto é assim algo muito dentro deste género que me surge. Branco, apontamentos de cor suaves e plantas bonitas. Para ser tudo perfeito só me falta mesmo um amiguinho de 4 patas assim como o teu! :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigada, Sara!
      Com certeza o teu futuro quarto será muito bonito, ou não tivesses tu tão bom gosto! :)

      Delete
  7. O nosso apartamento também está muito minimalista, mas por outro motivo: mudámos de apartamento e ainda não colocámos tudo no seu devido lugar.
    O que gostei mais das tuas imagens é a cor clara e a tranquilidade que transmite. A mesa de cabeceira também é do ikea? Combinada muito bem no teu quarto :)
    A nossa cama tem apenas duas almofadas. Acho muito bonito ver uma cama com várias almofadas, mas nunca adoptei esse conceito no meu quarto.
    Beijinhos,
    Débora | Heidiland

    P.s.: Sou fã da tua gatinha <3

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigada, Débora! :)
      A mesa de cabeceira na verdade é uma bandeja da loja Casa, que como vinha sobre pés com esta altura, comprei a pensar em usar como mesa de apoio na sala e agora gosto de ver como mesa de cabeceira. :)

      A Amélie vai gostar de saber que és fã dela! hehe
      Beijinho

      Delete
  8. Olá Sofia o teu quarto está muito bonito e harmonioso.
    Fizeste bem em deixar a cama no tom original, pois é muito bonita assim.
    Beijinhos:)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Olá, Helena! :)
      Muito obrigada pelas tuas palavras. Às vezes tenho segundas ideias e penso novamente em pintá-la, mas acho que vou mantê-la assim até eventualmente me apetecer mesmo mudar. :)

      Beijinhos

      Delete
  9. O teu quarto está tao giro! Também adoro ver quartos em tons brancos e cinzas e, recentemente, também comecei a gostar muito de ver a madeira clarinha :)

    ReplyDelete
    Replies
    1. Olá Paula! :) Muito obrigada!

      Aconteceu o mesmo comigo - só recentemente comecei a gostar de ver este tom de madeira entre mobiliário ou decoração! :)

      Delete